Group 21 Copy 4 Created with Sketch.

Mulher do dono da TelexFree é solta nos Estados Unidos

Segundo jornal Boston Globe, Katia Wanzeler foi liberada por um juiz federal de Massachusetts. Empresa é acusada de levantar 1 bilhão de dólares

A brasileira Katia Wanzeler, mulher do dono da TelexFree, Carlos Wanzeler, foi libertada por um juiz federal da cidade de Worcester, no estado de Massachusetts, Estados Unidos, na sexta-feira. De acordo com o jornal Boston Globe, que divulgou as informações, Katia prestou depoimento à polícia e assinou um acordo antes de ser solta.

A esposa de Wanzeler foi presa no dia 14, ao tentar embarcar para o Brasil via Aeroporto Internacional JFK, em Nova York. A mulher foi detida com um mandado de “testemunha essencial” para o caso, mas não foi acusada formalmente por nenhum crime. Segundo o jornal americano, Katia teve o passaporte apreendido e está impedida de deixar o Estado de Massachusetts.

Leia também:

Justiça do Espírito Santo penhora bens de sócios da TelexFree

FBI convoca vítimas da TelexFree e formaliza acusação contra sócios

As autoridades norte-americanas concluíram neste mês que a TelexFree funciona como pirâmide financeira. A empresa levantou mais de 1 bilhão de dólares no mundo. No dia 15 de abril, a promotoria denunciou a fraude e, no mesmo dia, agentes do FBI, a polícia federal americana, e do Departamento de Segurança Interna dos Estados Unidos cumpriram um mandado de busca e apreensão na sede da empresa, em Marlborough.

Em um relatório de quase 50 páginas, as autoridades de Massachusetts, onde está localizada sede da TelexFree, afirmam que a empresa montou um esquema ilegal de venda fraudulenta de títulos e pedem a abertura de uma ação judicial para que sejam interrompidas as atividades da empresa e que os investidores sejam compensados por suas perdas.

Conheça os executivos envolvidos no escândalo da TelexFree: