Clique e assine a partir de 9,90/mês

Maioria dos alemães quer que Grécia deixe zona do euro

Por Da Redação - 5 fev 2012, 09h35

BERLIM (Reuters) – A maioria dos alemães sentem que o bloco do euro seria melhor se a Grécia, que está afundada em dívidas, deixasse o grupo, mostrou neste domingo uma pesquisa publicada pelo jornal Bild am Sonntag.

A pesquisa do instituto Emnid mostrou que 53 por cento dos alemães acham que a Grécia deveria retornar à sua moeda original, a dracma, enquanto apenas 34 por cento querem que a nação mantenha o euro.

Ministros da zona do euro esperam se reunir nesta segunda-feira para finalizar o segundo pacote de ajuda à Grécia, que deve estar vigorando até meados de março, com o objetivo de impedir uma catastrófica moratória. Contudo, o encontro foi atrasado devido à relutância de Atenas de se comprometer com as reformas.

Sem as medidas de austeridade, que incluem o corte de bônus de férias e o rebaixamento do salário mínimo em um país em seu quinto ano de recessão, os ministros dizem que não podem aprovar o pacote de 130 bilhões de euros (171 bilhões de dólares).

A pesquisa Emnid mostrou que 80 por cento dos alemães entrevistados são contra a liberação do pacote se a Grécia não implementar as reformas.

(Escrito por Brian Rohan)

Continua após a publicidade
Publicidade