Clique e Assine por apenas R$ 0,50/dia

Lucro da JBS dispara no 4º tri, mas fica abaixo do esperado

De acordo com maior produtora de carnes do mundo, resultado foi influenciado pela expansão do volume de carne comercializado pelo Brasil

Por Da Redação 13 mar 2013, 21h44

A JBS, maior produtora de carnes do mundo, teve lucro líquido de 66,4 milhões de reais no quarto trimestre, alta de 160% ante igual período do ano anterior, informou a empresa nesta quarta-feira. Contudo, o resultado ficou abaixo da expectativa de analistas – recuo de 82% na comparação com o terceiro trimestre.

O resultado “foi influenciado pela expansão do volume de carne comercializado a partir do Brasil e também pelo início das operações de aves no país”, disse a JBS em nota. Além disso, informou a empresa, o ajuste nos preços da carne bovina e de aves nos Estados Unidos e a entrada no mercado canadense também foram fatores que contribuíram para o desempenho da JBS.

Leia também:

Fornecedor alemão da JBS nega culpa em escândalo da carne de cavalo

Escândalo da carne de cavalo atinge Nestlé e JBS

O lucro líquido ajustado foi de 310,4 milhões de reais. Esse item desconsidera a parcela do imposto de renda diferido passivo que se refere ao ágio gerado na controladora – uma provisão que somente deverá ser paga se a companhia alienar investimento relacionado. Já o Ebitda, que mede o desempenho operacional da companhia, totalizou 1,17 bilhão de reais, alta de 24,5% ante o mesmo período de 2011. Os analistas apontavam em média 282 milhões de reais de lucro líquido e 1,15 bilhão de Ebitda.

Continua após a publicidade

Conforme o previsto pela empresa, a receita da companhia no ano atingiu 75,7 bilhões de reais, com um crescimento de 22,5% ante o ano anterior. “Os resultados financeiros de 2012 foram positivos, mas é importante destacar o desempenho operacional de nossos negócios e também o processo de consolidação realizado pela companhia após anos de crescimento expressivo”, disse em comunicado. A companhia realizou forte processo de expansão, elevando sua capacidade de abate, mas vem anunciando que agora espera consolidar investimentos recentes.

Leia ainda: JBS suspende comércio de carne europeia

BNDESPar reduz para 23% participação no JBS

(com Reuters)

Continua após a publicidade
Publicidade