Clique e assine com até 92% de desconto

Leilão da BR-153 será realizado em São Paulo em maio

Trecho que será privatizado possui 624,8 quilômetros de extensão entre Aliança do Tocantins (TO) e Anápolis (GO)

Por Da Redação 3 abr 2014, 17h00

A Agência Nacional de Transportes Terrestres (ANTT) divulgou nesta quinta-feira, 3, edital de concessão da BR-153 no Diário Oficial da União (DOU). O leilão será realizado em 23 de maio, na sede da BM&FBovespa, em São Paulo.

O trecho da BR-153 que será concedido à iniciativa privada possui 624,8 quilômetros entre Aliança do Tocantins (TO) e Anápolis (GO). O plano inicial previa 814 quilômetros ligando Paraíso do Tocantins, Palmas, ambos no Tocantins, e Anápolis. A exclusão de uma parte da rodovia do processo de concessão passou por audiência pública em dezembro.

Leia também:

TCU diz que não é culpado por paralisações de obras rodoviárias

Projetos de infraestrutura deixarão de ser monopólio da EBP

Dilma assina concessão de rodovias e ataca ‘pessimistas’

No segundo semestre do ano passado, o governo leiloou cinco trechos rodoviários dentro de seu Programa de Investimento em Logística (PIL). O último foi o da BR-040 (DF/GO/MG), cujo vencedor foi o consórcio Invepar. Também foram licitados: o trecho no MS da BR-163, cujo vencedor foi a CCR; trecho da BR-050 entre Goiás e Minas Gerais, que recebeu uma oferta agressiva da Odebrecht Transport; trechos das BRs 060, 153, 262, rodovia que liga Brasília e Betim, que foi arrematado pela Triunfo Participações; e, por fim, o consórcio Planalto venceu o leilão do trecho da BR-050 entre Goiás e Minas Gerais. O governo até tentou leiloar o trecho da BR-262, que liga a BR-101 no município de Viana (ES) até a BR-381 em João Monlevade (MG), em setembro, mas não houve interessados. A ideia é que o edital do trecho seja refeito e ele seja novamente oferecido à iniciativa privada. ​

(com Estadão Conteúdo)

Continua após a publicidade
Publicidade