Assine VEJA por R$2,00/semana
Continua após publicidade

Inflação dos EUA sobe acima do esperado, levando taxa anual para 3,1%

O índice de preços ao consumidor (CPI) subiu 0,3% no mês, superando as previsões de 0,2%. A taxa anual ainda segue longe da meta de inflação, de 2% ao ano

Por Luana Zanobia
Atualizado em 13 fev 2024, 12h12 - Publicado em 13 fev 2024, 11h09

A inflação nos Estados Unidos surpreendeu os economistas em janeiro, com um aumento mais acentuado do que o esperado. O índice de preços ao consumidor (CPI, na sigla em inglês) subiu 0,3% no mês, superando as previsões de 0,2%. Em termos anuais, a inflação atingiu 3,1%, ultrapassando as expectativas de 2,9%.

Os economistas esperavam que a inflação desacelerasse para 2,9% em termos anuais, com o núcleo previsto em 3,7%. Se confirmadas, essas leituras seriam as mais baixas em quase três anos. Os números, no entanto, vieram acima e contradizem as expectativas anteriores para a economia do país. A alta foi impulsionada principalmente pelos preços elevados de habitação e aluguéis, que continuaram a pesar sobre os consumidores. Excluindo os preços voláteis dos alimentos e da energia, o núcleo aumentou 0,4% em janeiro e 3,9% em relação ao ano anterior, contra previsões de 0,3% e 3,7%, respectivamente.

Inicialmente, previa-se que o crescimento do emprego desacelerasse e que a inflação retrocedesse gradualmente para a meta de 2%, levando o banco central americano, o Federal Reserve (Fed), a reduzir as taxas de juros. No entanto, a economia seguiu um caminho diferente, com um aumento explosivo do emprego e uma inflação aparentemente em ascensão, obrigando o Fed a prolongar a expectativa de cortes nas taxas de juros.


Matéria exclusiva para assinantes. Faça seu login

Este usuário não possui direito de acesso neste conteúdo. Para mudar de conta, faça seu login

O Brasil está mudando. O tempo todo.

Acompanhe por VEJA.

MELHOR
OFERTA

Digital Completo
Digital Completo

Acesso ilimitado ao site, edições digitais e acervo de todos os títulos Abril nos apps*

a partir de R$ 2,00/semana*

ou
Impressa + Digital
Impressa + Digital

Receba Veja impressa e tenha acesso ilimitado ao site, edições digitais e acervo de todos os títulos Abril nos apps*

a partir de R$ 39,90/mês

*Acesso ilimitado ao site e edições digitais de todos os títulos Abril, ao acervo completo de Veja e Quatro Rodas e todas as edições dos últimos 7 anos de Claudia, Superinteressante, VC S/A, Você RH e Veja Saúde, incluindo edições especiais e históricas no app.
*Pagamento único anual de R$96, equivalente a R$2 por semana.

PARABÉNS! Você já pode ler essa matéria grátis.
Fechar

Não vá embora sem ler essa matéria!
Assista um anúncio e leia grátis
CLIQUE AQUI.