Clique e Assine por apenas R$ 0,50/dia

‘Inflação do aluguel’ desacelera e fecha em 0,92% em abril

Resultado foi puxado pela alta menor dos preços no atacado, que subiram 1,07%, ante 1,67% em março; em 12 meses, índice acumula aumento de 8,64%

Por Da redação Atualizado em 29 abr 2019, 16h10 - Publicado em 29 abr 2019, 15h53

O Índice Geral de Preços-Mercado (IGP-M), usado no reajuste dos contratos de aluguel, apresentou alta de 0,92% em abril, porcentual inferior ao observado em março (1,26%), divulgou nesta segunda-feira, 29, a Fundação Getulio Vargas (FGV). Nos últimos doze meses, o índice acumula aumento de 8,64%.

Neste mês, o Índice de Preços ao Produtor Amplo (IPA), que responde por 60% do índice geral e apura a variação dos preços no atacado, desacelerou, fechando em 1,07% ante 1,67% de março. O grupo Matérias-Primas Brutas passou a mostrar alta de 1,57% em abril, ante 2,33% em março, com destaque para o comportamento dos itens milho, soja e laranja, que apresentaram deflação.

  • Para o consumidor, a pressão sobre os preços aumentou uma vez que o Índice de Preços ao Consumidor (IPC), que tem peso de 30% no índice geral, subiu 0,69% ante alta de 0,58% em março. No mês, a principal contribuição partiu do grupo Transportes, cujos preços subiram 1,06%, de um avanço de 0,82% no levantamento anterior.

    O Índice Nacional de Custo da Construção (INCC), que tem peso de 10% no IGP-M, por sua vez, avançou 0,49% em abril, sobre alta de 0,19%.

    (Com Reuters)

    Continua após a publicidade
    Publicidade