Group 21 Copy 4 Created with Sketch.

Índices europeus fecham no nível mais baixo em 4 meses e meio

LONDRES, 14 Mai (Reuters) – Os principais índices europeus fecharam com o menor nível em quatro meses e meio nesta segunda-feira, em um amplo movimento de liquidação com a incerteza política na Grécia alimentando as perspectivas de uma saída do país da zona do euro, em meio ainda a preocupações com a economia chinesa.

O índice FTSEurofirst 300, que reúne as principais ações europeias, fechou em queda de 1,79 por cento, aos 1.004 pontos. Foi o menor nível de encerramento do índice pelo menos desde 30 de dezembro último.

Já o índice de volatilidade Euro STOXX 50, principal medidor de ansiedade entre os investidores da região, saltou quase 12 por cento.

“Sem sinais positivos reais a serem extraídos do cenário econômico global, enquanto a crise do euro cresce a cada dia, os investidores estão de saída”, afirmou o chefe de derivativos da Interactive Investor, Mike McCudden.

“Algumas ações estão, inclusive, começando a parecer muito baratas, mas investidores seguem a adotar uma aproximação para liquidação, até que a tempestade tenha passado”, acrescentou.

Em LONDRES, o índice Financial Times caiu 1,97 por cento, a 5.465 pontos.

Em FRANKFURT, o índice DAX recuou 1,94 por cento, para 6.451 pontos.

Em PARIS, o índice CAC-40 teve baixa de 2,29 por cento, a 3.057 pontos.

Em MILÃO, o índice Ftse/Mib desvalorizou-se 2,74 por cento, para 13.660 pontos.

Em MADRI, o índice Ibex-35 recuou 2,66 por cento, a 6.809 pontos.

Em LISBOA, o índice PSI20 registrou queda de 1,94 por cento, para 5.078 pontos.

(Reportagem de Tricia Wright)