Clique e assine com até 92% de desconto

Há diferenças entre Caged e PME, esclarece IBGE

Por Da Redação 22 dez 2011, 15h50

Por Alessandra Saraiva

Rio de Janeiro – O cenário do mercado de trabalho apurado pelo Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE) em novembro parece bem diverso do registrado pelos resultados de outubro do Cadastro Geral de Empregados e Desempregados (Caged), do Ministério do Trabalho. O gerente da Pesquisa Mensal de Emprego (PME), Cimar Azeredo, foi questionado hoje sobre as diferenças de resultados entre a PME e as apuradas pelo Caged. No resultado de outubro, o Caged mostrou queda na geração de postos de trabalho no mercado formal, um cenário muito diferente do quadro favorável apontado pelo IBGE em novembro.

Azeredo explicou que há grandes diferenças entre as duas pesquisas. Enquanto a abrangência do Caged é nacional, a PME engloba seis regiões metropolitanas. O Caged engloba apenas o mercado formal, enquanto a PME também apura o mercado informal.

Em novembro, a PME registrou queda de 1,9% no número de empregados sem carteira no setor privado ante novembro do ano passado. “É inquestionável o valor do Caged ao que ele se propõe; assim como é inquestionável o valor da PME. Mas estas diferenças podem ocorrer”, afirmou. Cimar acrescentou que, no caso da pesquisa sobre mercado de trabalho do Dieese, o levantamento abrange regiões metropolitanas diferentes das pesquisadas pelo IBGE, com outra metodologia.

Continua após a publicidade
Publicidade