Clique e assine com até 92% de desconto

Grécia anuncia novas medidas de ajuste orçamentário para 2011 (ministério)

Por Louisa Gouliamaki 11 set 2011, 11h23

O ministro grego das Finanças, Evangelos Venizelos, anunciou neste domingo, medidas de ajuste suplementares ao orçamento de 2011, no valor de cerca de 2 bilhões de euros, para evitar a deterioração das contas públicas, como exigiram o FMI e a UE para manter suas ajudas ao país.

O ministro considerou “indispensável” este novo pacote de contenção de gastos, depois dos rumores dos últimos dias sobre uma nova declaração de moratória pela Grécia ou uma saída do país da Zona do Euro.

“Nossa prioridade imediata é o respeito total aos objetivos orçamentários para 2011″, disse, lembrando o déficit de 17,1 bilhões de euros atuais e os de 14,9 bilhões”, para 2012.

Segundo o ministro, o país continua a trabalhar como previsto com os governos e credores da União Europeia, Banco Central Europeu e Fundo Monetário Internacional), mas destacou uma “mudança de paisagem, devido à posição de alguns países muito importantes e com um papel determinante na Zona do Euro”.

Continua após a publicidade
Publicidade