Clique e Assine a partir de R$ 19,90/mês

Fusão de Bolsas de Tóquio e Osaka cria gigante japonês

O Japan Exchange Group será cotado no principal mercado de Tóquio e no índice Jasdaq de Osaka a partir de 4 de janeiro

Por Da Redação 1 jan 2013, 09h38

As empresas que administram as Bolsas de Tóquio e de Osaka concretizaram uma fusão nesta terça-feira, com a criação do Japan Exchange Group, uma praça financeira japonesa capaz de enfrentar as concorrentes asiáticas como Hong Kong, Xangai (China) e Cingapura. O Japan Exchange Group será cotado no principal mercado de Tóquio e no índice Jasdaq de Osaka a partir de 4 de janeiro.

O novo grupo será a terceira Bolsa mundial em termos de capitalização, atrás da NYSE Euronext, que administra as praças de Nova York, Paris, Bruxelas, Amsterdã e Lisboa, e da Nasdaq OMX, que administra o mercado eletrônico Nasdaq, mas à frente da London Stock Exchange, que tem as Bolsas de Londres e de Milão.

(com AFP)

Publicidade