Clique e Assine a partir de R$ 19,90/mês

FGV registra alta de 1,52% para o IGP-DI de julho

Índice é utilizado como indexador das dívidas dos estados com a União

Por Da Redação 6 ago 2012, 08h59

A inflação medida pelo IGP-DI acelerou no mês de julho fechando com alta de 1,52%, após subir 0,69% em junho, informou nesta segunda-feira a Fundação Getúlio Vargas (FGV). O resultado ficou acima da mediana das estimativas de 1,46%, gerada a partir do levantamento do AE Projeções, mas dentro do intervalo esperado, de 1,35% a 1,75%.

Embora não seja mais usada para reajustar a tarifa de telefone, a taxa acumulada do IGP-DI ainda é utilizada como indexadora das dívidas dos estados com a União. Com o resultado divulgado nesta segunda-feira,o indicador acumula altas de 5,16% no ano e de 7,31% nos últimos 12 meses.

A FGV informou ainda os resultados dos três indicadores que compõem o IGP-DI. O IPA-DI, que representa o atacado, subiu 2,13% no mês passado, após registrar alta de 0,89% em junho. Por sua vez, o IPC-DI, que apura a evolução de preços no varejo, teve aumento de 0,22% em julho, em comparação com a alta de 0,11% no mês anterior. Já o INCC-DI, que mensura o impacto de preços na construção, apresentou elevação de 0,67% no mês passado, em comparação com a taxa positiva de 0,73% em junho. O período de coleta de preços para o IGP-DI de julho foi do dia 1º a 31 do mês passado.

(Com Agência Estado)

Continua após a publicidade
Publicidade