Group 21 Copy 4 Created with Sketch.

FGTS: Saiba como sacar conta inativa e documentos necessários

Saiba quais documentos levar na Caixa Econômica Federal para sacar o dinheiro da conta inativa

A Caixa Econômica Federal começa a pagar nesta sexta-feira (10) o saldo das contas inativas do FGTS (Fundo de Garantia do Tempo de Serviço) para os nascidos nos meses de janeiro e fevereiro. Nesta primeira etapa serão liberados o saque para 4,8 milhões de beneficiários.

Para saber onde sacar é preciso primeiro descobrir a quantia a que o trabalhador tem direito. Para saques de até 3.000 reais não é necessário ir até uma agência. O dinheiro pode ser resgatado nas lotéricas, correspondentes Caixa Aqui e caixas eletrônicos do banco.

Acima de 3.000 reais é necessário ir até uma agência da Caixa para sacar. O banco aconselha que as pessoas não saiam da agência com grandes quantias em dinheiro. A recomendação é que os recursos sejam transferidos para uma conta bancária. Se o beneficiário não tiver conta na Caixa, a transferência do FGTS pode ser feita por DOC ou TED sem cobrança de tarifa bancária.

Beneficiários com direito a sacar mais de 5.000 reis podem ter de ir à agência mais de uma vez – o banco precisa se preparar para saques mais altos. Na primeira, eles pedirão a reserva do dinheiro e agendarão um dia para o saque.

O diretor-executivo de FGTS da Caixa, Valter Nunes, disse que os beneficiários não precisam madrugar na porta das agências da Caixa. Todos os beneficiários, mesmo os que tiverem o dinheiro liberado em março, terão até 31 de julho para receber a conta inativa.

O banco, entretanto, montou um esquema especial de atendimento. Abrirá duas horas mais cedo nesta sexta, segunda e terça-feira. Também funcionará no sábado, das 9h às 15h.

Segundo Nunes, o banco tem um plano de contingenciamento para ser colocado em operação caso o esquema de atendimento não seja suficiente.

Tabela abaixo mostra esquema de pagamento: