Group 21 Copy 4 Created with Sketch.

Fazenda convoca Anfavea para explicar dispensas no setor

Entidade das montadoras terá de explicar porque unidade da GM de São José dos Campos (SP) chegou a dispensar 1.500 funcionários nesta semana

Unidade da GM de São José voltou atrás da medida de dispensar funcionários, postergando a decisão final para 4 de agosto.

Setor automotivo teve, em maio, a alíquota de IPI reduzida para estimular vendas, mas deu como contrapartida ao governo a garantia de manutenção dos postos de trabalho.

O Ministério da Fazenda convocou a Associação Nacional dos Veículos Automotores (Anfavea) para uma reunião, nesta terça-feira, para receber explicações das demissões feitas pela GM na fábrica de São José dos Campos (SP).

São José dos Campos – Na terça-feira, a montadora norte-americana fechou, durante a madrugada, a sua unidade do Vale do Paraíba paulista. Em nota, limitou-se a dizer que a decisão de dispensar 1.500 trabalhadores – mantida a remuneração de todos apesar do afastamento – foi tomada para para proteger os próprios funcionários. Sindicalistas da cidade e representantes da companhia já se encontravam em dura negociação sobre os rumos da unidade, mas sem chegar a um acordo. O governo federal, por meio do Ministério do Trabalho, decidiu participar dos diálogos. No dia seguinte, em nova reunião, desta vez realizada na prefeitura de São José dos Campos (SP), a montadora aceitou assumir o compromisso de elaborar propostas que evitem o esvaziamento da fábrica e possíveis demissões. As duas partes voltam a se reunir em 4 de agosto, às 11 horas. Até lá, a GM se comprometeu a não tomar nenhuma decisão em relação a dispensas.

Leia mais:

GM de São José decidirá sobre dispensa após o dia 4

A GM de São José dos Campos produz os modelos Corsa, Classic, Meriva, Zafira e S10, além de motores e kits para exportação. Na quarta-feira, a fábrica de São José encerrou a produção do modelo Corsa. A montadora também já havia suspendido a produção do Zafira que, junto com o Meriva, está sendo substituída pela minivan Spin. Este modelo, no entanto, é fabricado na unidade de São Caetano do Sul.

IPI – O setor automotivo teve, em maio, a alíquota de IPI reduzida para estimular as vendas, mas deu como contrapartida ao governo federal a garantia de manutenção dos postos de trabalho. O benefício tem validade até o final de agosto.

Leia também:

Governo reduz IPI para carros em novo pacote

Vendas de veículos não sentiram IPI menor, diz IBGE

(com Agência Estado)