Clique e Assine por apenas R$ 0,50/dia

Estudo revela que 8% da riqueza mundial estão em paraísos fiscais

Europeus possuem o maior número de contas, somando US$ 2,6 trilhões. Na sequência, estão asiáticos, americanos e residentes de países do Golfo

Por Da Redação 25 nov 2014, 12h08

Pelo menos 7,6 trilhões de dólares, o equivalente a 8% da riqueza mundial, estão em contas de particulares em paraísos fiscais. É o que revelou um estudo publicado no Journal of Economic Perspectives, dos Estados Unidos. O levantamento considera apenas os ativos financeiros e não os bens mobiliários ou imobiliários que podem ser mantidos em paraísos fiscais.

Os europeus possuem o maior número de contas, com 2,6 trilhões de dólares. Elas estão abertas em regiões marcadas pela debilidade do sistema fiscal e obscuridade financeira, de acordo com o professor assistente na London School of Economics, Grabiel Zucman. Na sequência, aparecem os asiáticos (1,3 trilhão de dólares), americanos (1,2 trilhão de dólares), e residentes dos países do Golfo (700 bilhões de dólares).

Leia também:

Executivos do banco mais antigo do mundo são presos por ocultar prejuízos

Riqueza das famílias no mundo bate novo recorde

Tentativas de fraude ocorrem a cada 14,7 segundos no Brasil

EUA – O estudo também mostrou que as multinacionais americanas utilizam cada vez mais os paraísos fiscais para reduzir impostos. Em 2013, 55% da renda das companhias no exterior estavam localizadas em países como Luxemburgo e Cingapura, ante pouco mais de 20% há trinta anos.

(Com agência France-Presse)

Continua após a publicidade
Publicidade