Group 21 Copy 4 Created with Sketch.

Dificuldade do Santander se deve à Espanha, diz Pimentel

Por Francisco Carlos de Assis

São Paulo – Pimentel: Santander está com dificuldades, porque Espanha está com dificuldades –

São Paulo, 26/06/2012 – O ministro do Desenvolvimento, Indústria e Comércio Exterior (MDIC), Fernando Pimentel, tranquilizou os correntistas brasileiros do Banco Santander que, mundialmente, têm passado por dificuldades. Segundo o ministro, o banco espanhol tem refletido as dificuldades econômicas pelas quais passam a Espanha.

Pimentel acredita, porém, que o Santander não vai quebrar, primeiramente porque a Espanha não vai deixar. Mais ainda no Brasil, porque a instituição está submetida às leis brasileiras para o sistema financeiro. “Quem tem conta no Santander pode ficar sossegado”, disse o ministro, na abertura do 5º Congresso Brasileiro de Pesquisa, realizado em São Paulo pela Associação Brasileira de Empresas de Pesquisa (Abep).

O ministro fez essas afirmações no contexto em que reforçou a solidez da economia brasileira diante da crise econômica global. Ele lembrou que, desde 2008, nenhuma grande empresa brasileira faliu no País por causa da crise. “Tivemos fusões, aquisições, mas nenhuma grande empresa quebrou, como vimos nos EUA e na Europa.”

De acordo com o ministro, essa solidez da economia brasileira está relacionada, entre outras coisas, à construção democrática no Brasil ao longo dos últimos 30 anos. “Não tem nada fácil. Não existe ‘almoço grátis’. Temos de lutar muito, mas nos últimos 30 anos acertamos mais do que erramos”, afirmou.