Group 21 Copy 4 Created with Sketch.

Demanda por voo doméstico subiu 6,7% em agosto

A Anac divulgou dados sobre aviação nesta terça-feira e mostrou que a procura por voos internacionais caiu 2,7%

A demanda por transporte aéreo no Brasil cresceu 6,7% em agosto em comparação com o mesmo mês do ano passado, informou nesta terça-feira a Agência Nacional de Aviação Civil (Anac). A oferta de assentos subiu apenas 0,6%, na mesma base de comparação, interrompendo a série de crescimento de dois dígitos para agosto, verificada nos cinco anos anteriores.

Como resultado, a taxa de ocupação dos aviões nos voos domésticos no mês passado subiu para quase 73%, avanço de 6,1% em comparação com 2011. No acumulado do ano até agosto, a demanda teve expansão de 7,26%, enquanto a oferta cresceu 6,51%. A ocupação nos aviões ficou praticamente estável, em 71,6%.

Em agosto apenas, a companhia aérea TAM manteve a liderança no mercado aéreo nacional, com participação de 40,55% contra 38,45% de um ano antes. A Gol, em seguida, ficou com participação no mercado interno de 34,14% no último mês, recuando ante os 38,9% de agosto de 2011.

A Azul e a Trip, que estão em processo de fusão, ficaram com 9,8% e 4,7% do mercado em agosto. A Avianca aparece com fatia de 5,1%.

Veja também: Anac vai investigar Trip por irregularidades em pousos

Exterior – Os voos internacionais operados por empresas brasileiras mostraram redução da demanda de 2,7% em agosto frente ao mesmo mês em 2011 e a oferta caiu 3,8%, apontando para taxa de ocupação de 79%.

TAM e Gol ficaram com 89,8% e 10,2% do mercado internacional no mês passado, segundo a Anac.

De janeiro a agosto de 2012, houve crescimento da demanda em 0,2% e a oferta registrou redução de 2,1% quando comparada com o mesmo período de 2011. A taxa de ocupação nos oito meses foi de 80,6%.

Leia também:

Gol terá voo para Nova York com milhas

Demanda por voos domésticos é recorde para julho

(com agência Reuters)