Clique e Assine por apenas R$ 0,50/dia

Déficit comercial dos EUA diminui; exportações batem recorde

O Departamento do Comércio informou nesta quarta-feira que o déficit comercial recuou 5,4% em outubro, para 40,6 bilhões de dólares

Por Da Redação 4 dez 2013, 17h20

O déficit comercial dos Estados Unidos diminuiu em outubro com as exportações em máxima recorde. O dado aponta para uma aceleração na demanda global que deve ajudar a sustentar o crescimento do país no quarto trimestre.

O Departamento do Comércio informou nesta quarta-feira que o déficit comercial recuou 5,4%, para 40,6 bilhões de dólares. O déficit de setembro na balança comercial foi revisado para 43,0 bilhões de dólares, ante leitura divulgada anteriormente de 41,8 bilhões de dólares. Economistas consultados pela Reuters esperavam que o déficit comercial diminuísse para 40,0 bilhões de dólares em outubro.

Leia ainda:

Representante dos EUA vê acordo na reunião da OMC

Vendas de novas casas nos EUA têm maior alta desde 1980

Setor privado dos EUA abriu 215 mil novas vagas em novembro

Quando ajustado à inflação, o déficit comercial caiu para 48,3 bilhões de dólares ante 51,4 bilhões no mês anterior. Essa medida entra no cálculo do Produto Interno Bruto (PIB) e sugere que o comércio vai, de novo, contribuir para o crescimento neste trimestre.

Em outubro, as exportações aumentaram 1,8%, para 192,7 bilhões de dólares, nível mais alto da história – e que interrompeu uma série de três meses seguidos de declínio – e 225,304 bilhões de dólares de importações.

(com agência Reuters)

Continua após a publicidade
Publicidade