Clique e assine a partir de 9,90/mês

Crise orçamentária faz Obama cancelar viagem à Ásia

Presidente americano deixará de participar de fórum econômico na região

Por Da Redação - 4 out 2013, 02h42

Barack Obama decidiu cancelar a viagem que faria à Ásia na próxima semana por causa da paralisação do governo americano. Devido à falta de acordo no Congresso sobre o orçamento para o ano fiscal, todos os serviços públicos considerados “não essenciais” estão parados desde 1º de outubro.

Em um comunicado oficial, a Casa Branca explicou que a decisão do presidente foi motivada pelas dificuldades em organizar uma viagem internacional diante da paralisação e pela determinação de Obama em convencer os republicanos a votarem o orçamento na Câmara.

Leia também:

Obama desafia republicanos: ‘Parem com essa farsa’

Continua após a publicidade

Líder republicano diz que não deixará EUA darem calote

Ausência – A visita do governante à Ásia passaria por Brunei, Malásia, Filipinas e Indonésia, onde Obama participaria do Fórum de Cooperação Econômica Ásia-Pacífico (Apec, em inglês), encontro que deve reunir 21 líderes da região. A cúpula da Apec seria uma oportunidade para o americano e o presidente russo, Vladimir Putin, discutirem pessoalmente a situação na Síria. A Casa Branca informou que Obama telefonou para o presidente indonésio Susilo Yudhoyono nesta quinta-feira para se desculpar pelo cancelamento. Na ausência de Obama, a delegação americana na Apec será liderada pelo secretário de Estado John Kerry.

“O cancelamento desta viagem é outra consequência de como os republicanos na Câmara forçaram o fechamento do governo”, acusou a Casa Branca no comunicado. “Esta paralisação completamente inevitável impede nossa capacidade de criar empregos através da promoção das exportações americanas e de promover a liderança e os interesses dos EUA na maior região emergente do mundo”, lamentou o órgão oficial.

(Com agência EFE)

Publicidade