Group 21 Copy 4 Created with Sketch.

Crescimento de vendas do Casino desacelera devido à França

Por Dominique Vidalon

PARIS, 16 Jan (Reuters) – O crescimento das vendas da varejista francesa Casino, última empresa europeia a ser afetada pelos cortes de gastos de consumidores, sofreu desaceleração.

Evidências de uma piora nos seus negócios na França poderiam gerar preocupações antes do anúncio na quinta-feira dos dados de vendas do Carrefour, maior rival da varejista. O Carrefour realiza uma maior proporção de vendas em mercados maduros da Europa Ocidental do que o Casino, e está mais exposto à situação das vendas de produtos não-alimentícios em hipermercados.

O Casino disse nesta segunda-feira que as vendas do quarto trimestre de 2011 cresceram 14,5 por cento, alcançando 9,51 bilhões de euros (12,1 bilhões de dólares) e aproximando-se dos 9,53 bilhões de euros previstos por analistas em uma pesquisa da Reuters. O desempenho foi impulsionado por aquisições e crescimento intenso em mercados emergentes.

O vice-presidente financeiro da empresa, Antoine Giscard d’Estaing, disse que, embora o lucro operacional de 2011 vá superar a previsão do mercado de 1,54 bilhão de euros, os lucros na França terão leve queda e que é cedo demais para fazer previsões para 2012.

No Brasil, o Casino é um dos principais sócios do Pão de Açúcar, com opção para assumir o controle da empresa no meio deste ano.