Group 21 Copy 4 Created with Sketch.

Começa 2º dia de greve no aeroporto de Frankfurt

Frankfurt (Alemanha), 17 fev (EFE).- Os 200 fiscais de pátio do aeroporto internacional alemão de Frankfurt, o mais importante da Europa continental, iniciaram nesta sexta-feira seu segundo dia de greve, o que afetará consideravelmente o tráfego aéreo local.

Os funcionários, que exigem aumentos salariais e melhorias nas condições de trabalho, são responsáveis pela segurança dos aviões em terra e encarregados de coordenar o tráfego nas pistas até a área de embarque dos passageiros.

O Sindicato de Segurança Aérea (GdF, em alemão) convocou uma paralisação mais longa do que a da quinta-feira, que acontecerá das 5h às 19h (horário de Brasília) desta sexta.

No dia anterior, a greve dos sinalizadores, realizada entre as 12h e às 19h (horário de Brasília), provocou o cancelamento de 172 dos 526 voos programados.

A Fraport, a sociedade que administra o aeroporto de Frankfurt, comunicou que, dos 1.082 voos programados para o horário da greve desta sexta, 286 já foram cancelados, embora o número possa aumentar.

A paralisação foi duramente criticada pela Fraport e a companhia aérea alemã Lufthansa, a mais afetada pelos cancelamentos, além de outros sindicatos, que consideram absurdo e egoísta que 200 funcionários determinem a jornada de trabalho dos 20 mil trabalhadores do aeroporto.

O sindicato decidiu aderir à greve depois que a Fraport rejeitou a proposta para solucionar o conflito do mediador e ex-prefeito de Hamburgo Ole von Beust, e não respondeu dentro do prazo às reivindicações do GdF. EFE