Clique e Assine a partir de R$ 19,90/mês

Colômbia passa Argentina e vira a 2ª maior economia sul-americana

Em dois anos, economia colombiana ultrapassa a venezuelana e, agora, a argentina; PIB do país só é menor que o do Brasil no continente

Por Da Redação 31 ago 2012, 18h52

O ministro da Fazenda da Colômbia, Juan Carlos Echeverry, anunciou nesta sexta-feira que o Produto Interno Bruto (PIB) do país superou o da Argentina e se tornou o segundo maior da América do Sul. “A Colômbia superou a Argentina no PIB. Somos a segunda economia da América do Sul depois do Brasil e a terceira em tamanho depois de Brasil e México. Isto era um sonho”, declarou.

Echeverry apresentou o dado em entrevista à emissora ‘Caracol Radio’ como “a grande notícia de (sua) saída’ do gabinete” – a saída de Echeverry é a primeira mudança confirmada pelo presidente colombiano, Juan Manuel Santos, em 23 de agosto, dentro de sua agenda de reforma ministerial.

Leia mais:

PIB fraco faz Brasil perder posto de 6ª economia do mundo

Mantega admite que crescimento da economia foi baixo

Continua após a publicidade

Alta do PIB confirma recuperação gradual, diz Tombini

Echeverry destacou que, nos dois primeiros anos do governo de Santos, a economia colombiana ultrapassou a venezuelana e “agora passou a argentina”. “A Colômbia segue com muito ímpeto. Estamos fazendo as coisas bem feitas e avançando”, enfatizou, mostrando-se confiante de que seu sucessor, o até agora ministro de Minas e Energia, Mauricio Cárdenas, seguirá esta tendência durante sua gestão.

Em outra entrevista para o site do jornal ‘El Tiempo’, Echeverry afirmou que, de acordo com as taxas de câmbio da última quarta-feira, o PIB projetado para este ano na Colômbia chega a 362 bilhões de dólares, e o da Argentina é de 347 bilhões de dólares.

A substituição de Echeverry por Cárdenas corresponde a um pedido pessoal do economista. O presidente Santos disse que Echeverry pode ser candidato a ocupar uma “posição importante” no Fundo Monetário Internacional.

(com agência EFE)

Continua após a publicidade

Publicidade