Group 21 Copy 4 Created with Sketch.

Chefe da Anac: ‘O transporte aéreo precisa de mais concorrência’

Regras como a cobrança de bagagem despachada vão ajudar a atrair companhias aéreas para o país, ampliando a oferta de voos, diz José Ricardo Botelho

O início da cobrança pelo despacho de bagagem nos aviões em junho passado, que causou revolta entre passageiros, corrige uma injustiça e vai trazer benefícios como o aumento da oferta de voos e a redução das tarifas, democratizando o transporte aéreo no país. Outra consequência positiva será o impulso para o turismo. O diagnóstico é do presidente da Agência Nacional de Aviação Civil (Anac), José Ricardo Botelho de Queiroz. Segundo ele, a injustiça era impedir que uma pessoa pudesse economizar se quisesse levar só a bagagem de mão, uma vez que o custo de despachar era rateado entre todos os passageiros.

Além disso, as mudanças vão criar condições de atração de companhias aéreas estrangeiras, principalmente as de baixo custo, uma vez que alinham as regras brasileiras com o que é praticado nos principais mercados. E será o aumento da concorrência que vai permitir que os preços dos bilhetes possam cair, algo necessário para que o que ele chama de demanda reprimida seja atendida. Leia na edição de VEJA desta semana trechos da primeira entrevista de Botelho desde que assumiu o comando da Anac, em 2013.

Assine agora o site para ler na íntegra esta reportagem e tenha acesso a todas as edições de VEJA:

Ou adquira a edição desta semana para iOS e Android.
Aproveite: todas as edições de VEJA Digital por 1 mês grátis no Go Read.

Comentários

Não é mais possível comentar nessa página.

  1. E a concorrência nas empresas de telefonia móvel? Estamos reféns do mesmo péssimo atendimento, mesmas ofertas desinteressantes e exploração igual.

    Curtir

  2. Alcione Domingues

    Precisamos de mais e mais concorrência em todos setores neste país.

    Curtir

  3. Neymar
    Torce Tornozelo,
    Após Se Chocar Com
    O Camisa 17…
    O PSG Com 71 Pontos
    A Maldição De Huck ?
    17,71 Milhões BNDES
    O 17 E 71 A Maldição…

    Curtir

  4. Paulo Roberto Correa Lima

    O BRASILEIRO PRECISA APRENDER A BOICOTAR. DEIXEM DE VIAJAR DE AVIÃO 1 MÊS E VER OS AVIÕES PARADOS NOS AEROPORTOS QUE VÃO VER OS PREÇOS CAÍREM QUE NEM CHUVA.

    Curtir