Group 21 Copy 4 Created with Sketch.

Cade aprova compra de 60,1% da Comgás pela Cosan

Decisão foi unânime e sem restrições. A operação, de 3,4 bilhões de reais, foi concluída em maio

O Conselho Administrativo de Defesa Econômica (Cade) aprovou nesta quarta-feira, sem restrições e por unanimidade, a compra de 60,1% do capital social da Comgás pela Cosan, a maior empresa de açúcar e álcool do país. O caso foi aprovado pelos conselheiros em bloco, sem discussão nem leitura de voto – procedimento usado pelo Cade para processos que não oferecem maiores riscos de concentração de mercado.

A operação, de 3,4 bilhões de reais, foi concluída em maio. Com a compra, a Cosan adquiriu, do Grupo BG, 72,7% das ações ordinárias e 14,1% dos papéis preferenciais da Comgás.

Leia mais:

Raízen vai substituir marca Esso dos postos por Shell

BG Group vende participação na Comgás por US$ 1,8 bi

Outros negócios – Em maio, a Cosan Alimentos, subsidiária do Grupo Cosan que detém as marcas de açúcar União e Da Barra, anunciou uma associação com a Camil – que possui expressiva participação no mercado de arroz e feijão. A divisão de alimentos da Cosan ficará com 11,72% e receberá 345 milhões de reais, deduzidos do endividamento bancário de sua subsidiária Docelar Alimentos e Bebidas, que serão pagos em até três anos.

A parceria engloba marcas importantes como União, Camil e Coqueiro, que serão consolidadas em uma única empresa “líder nos mercados de açúcar, arroz e pescados”, segundo a Cosan.

(com agência Reuters)