Clique e assine a partir de 9,90/mês

BOVESPA-Índice sobe com renovação de otimismo por Grécia

Por Da Redação - 31 jan 2012, 12h01

SÃO PAULO, 31 Jan (Reuters) – A bolsa brasileira operava em alta nesta terça-feira, com investidores otimistas novamente por um desfecho positivo nas negociações entre Grécia e seus credores privados, para rolar a dívida do país.

Às 12h52, o Ibovespa subia 0,64 por cento, a 63.174 pontos. O giro financeiro do pregão era de 2 bilhões de reais.

Nos mercados externos, o comportamento também era de alta. Na Europa, o índice FTSEurofirst subia 0,92 por cento, enquanto em Nova York, o índice Dow Jones ganhava 0,32 por cento.

“Ontem tivemos notícias negativas sobre Grécia, mas nesta terça já se fala que o acordo vai sair e que está mais próximo de um desfecho do que (estava) na segunda”, explicou o operador Luiz Roberto Monteiro, da Renascença DTVM.

Continua após a publicidade

O primeiro-ministro da Grécia, Lucas Papademos, disse que os negociadores fizeram “progressos significativos” em conversas para chegar a uma solução sobre a reestruturação da dívida do governo grego, com o objetivo de ter um acordo definitivo até o final desta semana.

Monteiro afirmou que as ações do Bradesco e Santander influenciam negativamente no índice, mas o que manda nesta sessão é o otimismo com a Grécia.

O papel do primeiro banco recuava 2,8por cento, a 31,51 reais, após divulgar lucro líquido de 2,726 bilhões de reais, uma queda de 8,7 por cento em relação ao mesmo período de 2010, num resultado abaixo do esperado pelo mercado.

Já a unit do Santander perdia 2,01 por cento, a 16,10 reais, depois de divulgar lucro líquido praticamente em linha com o esperado pelo mercado e com o obtido no período imediatamente anterior, de 1,799 bilhão de reais no quarto trimestre de 2011.

Continua após a publicidade

Os números despertaram preocupações com demais bancos e puxam para baixo as ações do Itaú Unibanco, com queda de 1,35 por cento, a 35,03 reais, e do Banco do Brasil , com perdas de 0,62 por cento, a 27,20 reais.

Na outra ponta, a ação da Gafisa registrava a maior alta do índice, de 7,56 por cento, a 4,84 reais.

Entre as blue chips, a Vale tinha fortes ganhos após a notícia de que obteve uma liminar na Justiça que reverteu efeitos de despachos desfavoráveis relativos a pendências tributárias sobre lucros no exterior.

A preferencial subia 1,61 por cento, a 42,30 reaisais. Petrobras também subia, com sua preferencialapresentando ganhos de 0,53 por cento, a 24,70 reais.(Por Roberta Vilas Boas; Edição de Sérgio Spagnuolo)

Publicidade