Group 21 Copy 4 Created with Sketch.

BOVESPA-Índice opera em baixa refletindo leilão na Itália e Fed

SÃO PAULO, 14 Dez (Reuters) – A Bovespa operava em queda nesta quarta-feira, refletindo o resultado negativo do leilão de bônus na Itália e influenciada ainda pelo comunicado do Federal Reserve (Fed) na véspera.

Às 12h37, o Ibovespa tinha perda de 0,6 por cento, a 57.148 pontos. O giro financeiro do pregão era de 1 bilhão de reais.

Em Nova York, o Dow Jones recuava 0,4 por cento, enquanto na Europa o FTSEurofirst caía 1,1 por cento.

“O Ibovespa cai principalmente pelo leilão de bônus decepcionante e também com reflexo ainda da véspera, sem anúncios de novas medidas pelo Fed”, explicou o analista Luiz Gustavo Pereira, da UM Investimentos.

A Itália pagou juro recorde de 6,47 por cento para vender títulos de cinco anos nesta quarta-feira, em seu primeiro leilão de prazo mais longo desde o acordo de integração fiscal fechado pela União Europeia (UE) na semana passada.

Já o Fed decidiu na terça-feira manter a atual política monetária do país e afirmou que a turbulência no mercado financeiro representa ameaças ao crescimento econômico, o que deixa aberta a possibilidade de mais estímulos no ano que vem.

Pereira considerou também que o vencimento de opções sobre o Ibovespa futuro, nesta sessão, deve agregar volatilidade aos negócios.

Entre as ações do índice, a Vanguarda (antiga Ecodiesel)é o destaque de queda, com perda de 8,9 por cento, a 0,41 real.

As blue chips também operavam em baixa. A preferencial da Petrobras recuava 0,6 por cento, a 22,28 reais, enquanto a da Vale perdia 1,37 por cento, a 38,03 reais, e OGX desvalorizava 2,53 por cento, a 13,86 reais.

Nesta quarta, o Goldman Sachs cortou o preço-alvo para os recibos de ações (ADRs) da Vale, de 33 para 32 dólares o recibo da ação ordinária, e de 30 para 29 dólares o da preferencial.

Na outra ponta, Lojas Americanas tinha a maior alta, de 2,1 por cento, a 14,68 reais, sendo seguida por BR Malls, com ganho de 1,81 por cento, a 17,97 reais.(Por Roberta Vilas Boas; Edição de Aluísio Alves)