Group 21 Copy 4 Created with Sketch.

Bolsas dos EUA sobem com FMI e balanços

Por Álvaro Campos

Nova York – As bolsas de Nova York abriram em alta nesta sexta-feira, impulsionadas por balanços corporativos positivos e com a expectativa com a reunião do Fundo Monetário Internacional (FMI), que começa oficialmente nesta sexta-feira em Washington. A instituição pretende conseguir US$ 400 bilhões em novos aportes, para ajudar no combate a crises financeiras, em especial na Europa. Às 11h12, Dow Jones e Nasdaq subiam 0,63% e 0,62%, respectivamente.

O FMI afirmou que até agora já recebeu promessas para US$ 320 bilhões em empréstimos. Mas grandes países, inclusive potências emergentes como China e Brasil, ainda não se comprometeram com nenhuma quantia. “O mercado vai ficar de olho nas reuniões dos ministros de Finanças e presidentes de bancos centrais do G-20 e do G-8, além de declarações de outras autoridades importantes”, comentou Carl B. Weinberg, economista-chefe da High Frequency Economics.

Nesta manhã, as bolsas europeias operavam em leve alta, após um avanço surpreendente do índice Ifo de sentimento das empresas da Alemanha. O indicador subiu para 109,9 pontos em abril, acima da previsão dos analistas, de 109,5 pontos. Nos EUA, hoje não será divulgado nenhum indicador econômico relevante, mas a agenda de balanços está movimentada. As informações são da Dow Jones.