Clique e Assine a partir de R$ 19,90/mês

Bolsas da Ásia fecham em alta; HK avança 2,43%

Por Da Redação 11 out 2011, 07h41

Por Ricardo Criez

Tóquio – As bolsas asiáticas apresentaram números positivos nesta terça-feira. Os investidores seguiram o embalo altista de Wall Street e dos mercados europeus, animados com a promessa de França e Alemanha de socorro à Grécia e de ajuda às instituições financeiras com problemas da zona do euro, além do plano de resgate do banco franco-belga Dexia. Também pesou positivamente o anúncio de Pequim de injetar capital nos quatro maiores bancos chineses.

Este foi o principal fator a impulsionar a Bolsa de Hong Kong, embora as preocupações sobre a desaceleração da economia global tenham limitado os ganhos. O índice Hang Seng avançou 430,53 pontos, ou 2,43%, e fechou aos 18.141,59 pontos, a maior pontuação desde 21 de setembro.

Já a Bolsa de Xangai, na China, teve ligeira alta, pois os temores inflacionários limitaram os ganhos no fim do pregão. O índice Xangai Composto subiu 0,2% e terminou aos 2.348,52 pontos, encerrando quatro sessões seguidas de queda. Por sua vez, o índice Shenzhen Composto recuou 0,6% e encerrou aos 992,31 pontos.

O yuan se desvalorizou em relação ao dólar, com a demanda dos clientes pela moeda norte-americana, após a unidade chinesa atingir o recorde histórico de valorização de 6,3375 yuans durante a sessão. No mercado de balcão, o dólar fechou cotado em 6,3750 yuans, de 6,3486 yuans ontem.

A Bolsa de Taipé, em Taiwan, seguiu novamente o embalo dos demais mercados regionais. O índice Taiwan Weighted subiu 2,59% e terminou aos 7.398,71 pontos.

Continua após a publicidade

Na Bolsa de Seul, na Coreia do Sul, o índice acionário apresentou alta pela quarta sessão seguida. O índice Kospi ganhou 1,62% e encerrou aos 1.795,02 pontos.

Na Austrália, a Bolsa de Sydney teve alta pelo quinto pregão consecutivo, com os setores de recursos e financeiro liderando os ganhos. O índice S&P/ASX 200 subiu 0,6% e fechou aos 4.227,6 pontos.

A Bolsa de Manila, nas Filipinas, estendeu os ganhos no quarto pregão seguido de elevação. O índice PSEi subiu 1,70% e terminou aos 4.109,27 pontos.

A Bolsa de Cingapura terminou em alta, seguindo as demais asiáticas. O índice Straits Times subiu 0,9% e fechou aos 2.693,05 pontos, quarta sessão seguida de ganhos.

O índice composto da Bolsa de Jacarta, na Indonésia, avançou 2,3% e fechou aos 3.531,75 pontos, liderado por ganhos em ações de empresas relacionadas a produtos de consumo e bancos após o BC cortar a taxa de juro em 25 pontos-base, para 6,5%.

O índice SET da Bolsa de Bangcoc, na Tailândia, ganhou 2,3% e fechou aos 944,80 pontos, em linha com os demais mercados regionais e na expectativa de sólidos lucros nos terceiro trimestre.

O índice composto de cem blue chips da Bolsa de Kuala Lumpur, na Malásia, teve alta de 1,0% e fechou aos 1.411,65 pontos, acompanhando as demais asiáticas. As informações são da Dow Jones

Continua após a publicidade
Publicidade