Group 21 Copy 4 Created with Sketch.

Bolsas da Ásia caem, de olho em impasse de dívida nos EUA

Por Chikako Mogi

TÓQUIO (Reuters) – As bolsas de valores asiáticas fecharam em baixa nesta segunda-feira, com incerteza continuada sobre como os líderes da zona do euro responderão às dificuldades dos bancos, enquanto os políticos dos Estados Unidos aparentemente fracassavam em acertar uma redução de déficit.

A comissão parlamentar de redução de déficit dos EUA deve formalmente anunciar o fracasso do plano de três meses para superar diferenças partidárias sobre impostos e gastos, disseram assessores à Reuters.

“É um fator negativo. Há muitas perguntas a serem feitas — se a Moody’s e a Fitch, por exemplo, agirem para rebaixar os EUA”, disse Garry Evans, diretor global de estratégia do HSBC.

O índice MSCI das ações da região Ásia-Pacífico com exceção do Japão caía 1,96 por cento, após fechar semana passada com a maior queda em cerca de dois meses. Em Tóquio, o índice Nikkei recuou 0,32 por cento.

O alerta do vice-premiê da China, Wang Qishan, sobre o cenário econômico global também prejudicou os mercados, especialmente em Hong Kong, cujo índice referencial Hang Seng declinou 1,44 por cento.

O índice de Seul encerrou em baixa de 1,04 por cento. A bolsa de Taiwan tombou 2,64 por cento, enquanto o índice referencial de Xangai perdeu 0,06 por cento. Cingapura retrocedeu 1,19 por cento e Sydney fechou com desvalorização de 0,33 por cento.