Clique e assine a partir de 9,90/mês

BOLSA EUROPA-Espanha reacende crise do euro e derruba mercado

Por Da Redação - 4 abr 2012, 13h41

(Texto reescrito com mais informações e cotações)

LONDRES, 4 Abr (Reuters) – As ações europeias caíram para a mínima em dois meses nesta quarta-feira, que registrou a maior queda diária em um mês, após um decepcionante leilão de bônus da Espanha reacender as preocupações com a crise da dívida da zona do euro.

O índice FTSEurofirst 300 das principais ações europeias, fechou em queda de 2,1 por cento, aos 1.049 pontos, segundo dados preliminares. Já o Euro Stoxx 50, da zona do euro, recuou 2,46 por cento, aos 2.398 pontos, rompendo a marca de 50 por cento de retração de dezembro a março.

O indicador dos bancos da zona do euro, que detêm a maior parte da dívida da região, teve baixa de 3,14 por cento, depois de os custos de empréstimos da Espanha saltarem em um leilão de títulos nesta quarta.

Continua após a publicidade

“A crise do euro sempre vem em ondas e esta é, claramente, uma nova onda”, afirmou o economista-chefe do banco Berenberg, Holger Schmieding. “Há muita volatilidade e hoje não parece que atingimos o fundo ainda”, completou.

Em LONDRES, o índice Financial Times caiu 2,3 por cento, a 5.703 pontos.

Em FRANKFURT, o índice DAX baixou 2,84 por cento, para 6.784 pontos.

Em PARIS, o índice CAC-40 perdeu 2,74 por cento, a 3.313 pontos.

Continua após a publicidade

Em MILÃO, o índice Ftse/Mib declinou 2,42 por cento, para 15.245 pontos.

Em MADRI, o índice Ibex-35 caiu 2,09 por cento, a 7.660 pontos.

Em LISBOA, o índice PSI20 desceu 2,36 por cento, para 5.361 pontos.

(Reportagem de Francesco Canepa)

Continua após a publicidade

REUTERS AAP PD FR

Publicidade