Group 21 Copy 4 Created with Sketch.

BOLSA EUA-Notícias sobre cúpula da UE elevam índices

(Texto atualizado com mais informações após o fechamento oficial)

Por Chuck Mikolajczak

NOVA YORK, 26 de outubro (Reuters) – Os principais índices do mercado acionário dos Estados Unidos fecharam em alta nesta quarta-feira, com investidores reagindo positivamente às primeiras notícias sobre uma cúpula de líderes da União Europeia, mesmo havendo ainda poucos detalhes de progressos concretos na negociação de uma solução para a crise da dívida da zona do euro.

O índice Dow Jones, referência da bolsa de Nova York, avançou 1,39 por cento, para 11.869 pontos. O termômetro de tecnologia Nasdaq subiu 0,46 por cento, para 2.650 pontos. O índice Standard & Poor’s 500 teve valorização de 1,05 por cento, a 1.242 pontos.

Países da zona do euro têm como objetivo alavancar seu fundo de resgate de 440 bilhões de euros “várias vezes”, mas detalhes da operação não são esperados até novembro, segundo um esboço de comunicado obtido pela Reuters.

O mercado acionário ampliou seus ganhos durante a tarde, quando a notícia surgiu, dando continuidade ao recente rali do mercado. O S&P acumula alta de 9,5 por cento no mês com o crescente otimismo quanto a um acordo para resolver os problemas associados à dívida soberana e melhorar as contas de bancos europeus.

O setor financeiro esteve entre os que apresentaram melhor performance, com a ação do JPMorgan subindo 2,1 por cento e a do U.S. Bancorp tendo valorização de 2,6 por cento. O índice de bancos KBW avançou 2,1 por cento.

Tanious disse que os detalhes ainda estão sendo definidos, incluindo a extensão da recapitalização dos bancos, a clareza sobre como o Fundo Europeu de Estabilidade Financeira, ou EFSF, deve ser alavancado e o que fazer com a significativa dívida da Grécia.

Os ganhos no Nasdaq foram contidos, com a ação da Amazon.com recuando 12,7 por cento um dia depois de a empresa fazer previsões decepcionantes para o atual trimestre por custos relacionados a seu leitor eletrônico e outros investimentos.