Group 21 Copy 4 Created with Sketch.

BNDES poderá financiar até 80% de aeroportos

Leilão dos terminais de Brasília, Campinas e Guarulhos será em fevereiro

O Banco Nacional de Desenvolvimento Econômico e Social (BNDES) divulgou nesta quinta-feira as condições de financiamento para as empresas que vencerem os leilões de concessão dos aeroportos de Brasília, Campinas e Guarulhos. Pelas regras, o crédito poderá chegar a até 80% do investimento total.

No caso de Guarulhos e de Brasília, o prazo do financiamento será de 180 meses, informou o BNDES. Para o aeroporto de Viracopos, em Campinas, cujo período de concessão é maior, o prazo será de 240 meses.

O banco poderá atuar por meio de apoio financeiro corporativo, concedido diretamente às empresas, ou sob a forma de sociedade.

A remuneração básica do BNDES será de 0,9% ao ano, mais a taxa de risco da operação, entre 0,46% e 3,57% ao ano. O financiamento será estruturado em parcelas, baseadas nas características dos investimentos.

Leilão em fevereiro – O leilão dos aeroportos de Guarulhos, Campinas e Brasília está previsto para o dia 6 de fevereiro. Há cerca de 20 empresas interessadas.

O edital estabeleceu preço mínimo de 3,4 bilhões de reais para Cumbica, em Guarulhos, que tem prazo de concessão de 20 anos. Em Viracopos, o lance mínimo para levar o aeroporto é de 1,47 bilhão de reais e o prazo, de 30 anos. Para Brasília, o valor é de 582 milhões de reais e o prazo, de 25 anos.

(com Reuters)