Group 21 Copy 4 Created with Sketch.

Baroin garante que ‘poupança dos franceses está protegida’

O ministro francês da Economia, François Baroin, garantiu nesta segunda-feira que faz “o necessário para proteger a poupança dos franceses”, após a agência Standard and Poor’s ameaçar reduzir a nota de 15 países da zona do euro, inclusive a da França.

“Fazemos todo o necessário para proteger os franceses, a poupança dos franceses, e serão protegidos”, afirmou o ministro durante entrevista à TV France 3.

Baroin garantiu ainda que o Estado não precisará participar de uma ampliação de capital dos bancos franceses.

“Fazemos o necessário para permitir que os bancos sigam irrigando a atividade econômica e vamos prosseguir assim. Não haverá necessidade de uma participação estatal na capitalização dos bancos”.

A ministra do Orçamento e porta-voz do governo francês, Valerie Pecresse, disse à AFP que a decisão da Standard and Poor exige dos europeus uma resposta “crível e conjunta”.

“Isto pode ser visto como um estímulo para se dar uma resposta muito forte e mostrar uma unidade europeia sem fissuras” na cúpula da UE de quinta e sexta-feira, em Bruxelas.

A agência de classificação de risco Standard and Poor anunciou na noite desta segunda-feira que colocou em “vigilância negativa” as notas das dívidas a longo prazo de 15 países da zona do euro, incluindo Alemanha, Áustria, Finlândia, França, Luxemburgo e Holanda, todos com qualificação “AAA”, a mais alta possível.