Clique e Assine a partir de R$ 9,90/mês

Aneel anuncia aumento acima de 50% nas bandeiras tarifárias

Além da bandeira verde, sem cobrança, todas as categorias passaram por reajustes

Por Renan Monteiro Atualizado em 21 jun 2022, 19h05 - Publicado em 21 jun 2022, 18h41

Com o aumento do custo de produção de energia no país, a Agência Nacional de Energia Elétrica (Aneel) aprovou nesta terça-feira, 21, o reajuste nos valores das bandeiras tarifárias. As cobranças extras, para o período de julho de 2022 a junho de 2023, chegam com a perspectiva de mais pressão no setor de serviços de energia.

Para além da bandeira verde, sem cobrança adicional, todas as outras categorias passaram por reajustes, duas bem acima de 50%. Conforte o último reajuste anual, a bandeira amarela passou de 1,874 real para 2,989 reais por 100 kWh consumidos, a bandeira vermelha 1 foi de 3,971 reais para 6,500 reais, e, em menor alta, a bandeira vermelha 2 passou de 9,492 reais para 9,795 reais a cada 100 kWh consumidos. Respectivamente, os aumentos foram de 59,5%, 63,7% e 3,2%.  

A diretoria colegiada da Aneel entrou em acordo hoje para os reajustes, muito embora os percentuais elevados já estavam sendo ventilados anteriormente. Em abril, foi aberta uma consulta pública sobre os valores do reajuste. Naquele momento, a proposta era de aumentos de 56% e 57%, respectivamente, para as bandeiras amarela e vermelha 1. Já a bandeira vermelha 2, a de maior preço, foi proposta redução de 1,7%. A Aneel falou de acréscimos nos “valores de cálculo”, para justificar o reajuste maior anunciado hoje, 21.

A Aneel divulga todo mês a bandeira tarifária em vigor. No momento, está em vigor a bandeira verde, sem cobrança, considerando a recuperação dos reservatórios das hidrelétricas. A possibilidade da cobrança ao consumidor depende diretamente do aumento de custo para produção de energia.

Continua após a publicidade


Publicidade

Essa é uma matéria exclusiva para assinantes. Se já é assinante, entre aqui. Assine para ter acesso a esse e outros conteúdos de jornalismo de qualidade.

Essa é uma matéria fechada para assinantes e não identificamos permissão de acesso na sua conta. Para tentar entrar com outro usuário, clique aqui ou adquira uma assinatura na oferta abaixo

Informação de qualidade e confiável, a apenas um clique. Assine VEJA.

Impressa + Digital

Plano completo de VEJA. Acesso ilimitado aos conteúdos exclusivos em todos formatos: revista impressa, site com notícias 24h e revista digital no app (celular/tablet).

Colunistas que refletem o jornalismo sério e de qualidade do time VEJA.

Receba semanalmente VEJA impressa mais Acesso imediato às edições digitais no App.



a partir de R$ 39,90/mês

MELHOR
OFERTA

Digital

Plano ilimitado para você que gosta de acompanhar diariamente os conteúdos exclusivos de VEJA no site, com notícias 24h e ter acesso a edição digital no app, para celular e tablet. Edições de Veja liberadas no App de maneira imediata.

a partir de R$ 9,90/mês

ou

30% de desconto

1 ano por R$ 82,80
(cada mês sai por R$ 6,90)