Clique e Assine a partir de R$ 7,90/mês

Ações da Alcoa caem 2,7% após divulgação de balanço

Por Da Redação 12 out 2011, 09h28

– Nova York, 12 – As ações da Alcoa eram negociadas em baixa de 2,7% no pré-mercado, a US$ 10,02, sem que os ativos consigam acompanhar o rali do mercado amplo. Ontem, a titã de alumínio informou que teve lucro líquido de US$ 172 milhões, ou US$ 0,15 por ação, no terceiro trimestre, acima, portanto, do lucro de US$ 61 milhões, ou US$ 0,06 por ação, no mesmo período do ano passado. O resultado, no entanto, ficou abaixo das previsões dos analistas, que projetavam lucro de US$ 0,22 por ação. Já a receita subiu para US$ 6,42 bilhões, de US$ 5,29 bilhões, ante a previsão dos analistas de US$ 6,24 bilhões.

Um dia após rebaixar a meta para o lucro de ação no terceiro trimestre da Alcoa, o Citigroup reduziu suas projeções para o lucro por ação do ano completo de 2011 e 2012. “Nós acreditamos que alguns investidores têm favorecido as ações da Alcoa por causa das suas operações consideradas menos cíclicas, mas a perda do alvo do terceiro trimestre ante o nosso modelo levanta dúvidas até que a tendência de melhora do lucro seja retomada”, observa o banco.

Ontem,o chairman e CEO, Klaus Kleinfeld, citado no comunicado da empresa, afirmou que “com exceção da Europa, tivemos crescimento em nossos mercados, embora a um ritmo mais lento do que na primeira metade do ano, uma vez que a confiança na recuperação global enfraqueceu”.

“Os preços do alumínio caíram no terceiro trimestre, mas a maioria dos mercados continuou crescendo”, acrescentou Kleinfeld. Ele reiterou a estimativa de crescimento de 12% no lucro para este ano. As informações são da Dow Jones. (Patricia Lara e Regina Cardeal)

Continua após a publicidade

Publicidade