Clique e Assine a partir de R$ 19,90/mês

Abilio pagará R$ 250 mil para encerrar processo na CVM

Empresário foi condenado por não comunicar o mercado a tempo sua intenção de associar o Grupo Pão de Açúcar com o Carrefour em 2011

Por Da Redação 11 fev 2014, 12h25

O empresário Abilio Diniz terá de pagar 250 mil reais à Comissão de Valores Mobiliários (CVM) por não ter providenciado “a imediata divulgação de Fato Relevante referente a potencial associação dos negócios dos Grupos Pão de Açúcar e Carrefour diante das notícias veiculadas na imprensa”, em 2011.

Por ser o acionista controlador e presidente do Conselho de Administração da Companhia Brasileira de Distribuição (CBD) quando a intenção de fusão com o Carrefour foi amplamente divulgada, Diniz foi, então, responsabilizado.

Segundo comunicado da CVM, ele infringiu o que estava escrito no no artigo 6º, parágrafo único, da Instrução CVM nº 358/02 e o artigo 157, parágrafo 4º, da Lei nº 6.404/76.

Leia mais:

Enéas Pestana deixa a presidência do Grupo Pão de Açúcar

Vendas do Grupo Pão de Açúcar sobem 16,2% no 4º tri

Jean-Charles Naouri será presidente do Conselho do Pão de Açúcar

​Família Diniz deixa o controle do Pão de Açúcar após 65 anos

Continua após a publicidade

Publicidade