Assine VEJA por R$2,00/semana
Imagem Blog

Radar

Por Robson Bonin
Notas exclusivas sobre política, negócios e entretenimento. Com Gustavo Maia, Nicholas Shores e Ramiro Brites. Este conteúdo é exclusivo para assinantes.
Continua após publicidade

Tribunais de NY e Luxemburgo bloqueiam ativos da Gradual

Corretora é acusada de fraude em fundo de previdência

Por Ernesto Neves Atualizado em 5 jun 2017, 11h00 - Publicado em 4 jun 2017, 17h19

Tribunais de Nova York, nos Estados Unidos, e de Luxemburgo determinaram o arresto de ativos da corretora Gradual Investimentos por acusação de fraude em fundos de previdência complementar.

A ação é movida pelo grupo Incentivo. Donos da empresa, Gabriel Gouvêa de Freitas e a mulher, Fernanda Ferraz também tiveram seus ativos sequestrados.

Segundo o tribunal nova-iorquino, os dois transferiram mais de 200 milhões de dólares para foram do Brasil como forma de fugir dos processos judiciais no país.

A ação afirma que entre as tentativas de esconder dinheiro da Justiça brasileira encontra-se a aquisição de uma propriedade em Nova York. Esse fato, entretanto, os colocou sob lei americana.

Os tribunais americano e de Luxemburgo determinam o bloqueio de 6,6 milhões de reais do casal.

Continua após a publicidade

Entenda a crise da Gradual

O grupo Gradual é formado por dez empresas, que se dividem em investimentos e atividades comerciais. São responsáveis por administrar fundos previdenciários em municípios brasileiros, assim como operações de câmbio.Sua empresa principal é a Gradual Investimentos.

Parte do faturamento do grupo já é arrestado pela Justiça mensalmente. Entre as acusações que pairam sobre a empresa estão descumprimento de decisões judiciais e subscrição fraudulenta de ativos tóxicos.

Publicidade

Matéria exclusiva para assinantes. Faça seu login

Este usuário não possui direito de acesso neste conteúdo. Para mudar de conta, faça seu login

Domine o fato. Confie na fonte.

10 grandes marcas em uma única assinatura digital

MELHOR
OFERTA

Digital Completo
Digital Completo

Acesso ilimitado ao site, edições digitais e acervo de todos os títulos Abril nos apps*

a partir de R$ 2,00/semana*

ou
Impressa + Digital
Impressa + Digital

Receba Veja impressa e tenha acesso ilimitado ao site, edições digitais e acervo de todos os títulos Abril nos apps*

a partir de R$ 39,90/mês

*Acesso ilimitado ao site e edições digitais de todos os títulos Abril, ao acervo completo de Veja e Quatro Rodas e todas as edições dos últimos 7 anos de Claudia, Superinteressante, VC S/A, Você RH e Veja Saúde, incluindo edições especiais e históricas no app.
*Pagamento único anual de R$96, equivalente a R$2 por semana.

PARABÉNS! Você já pode ler essa matéria grátis.
Fechar

Não vá embora sem ler essa matéria!
Assista um anúncio e leia grátis
CLIQUE AQUI.