Clique e Assine a partir de R$ 19,90/mês
Radar Por Robson Bonin Notas exclusivas sobre política, negócios e entretenimento. Com Gustavo Maia, Laísa Dall'Agnol e Lucas Vettorazzo. Este conteúdo é exclusivo para assinantes.

Em 2021, Petrobras pediu registro de 118 novas patentes

A estatal é a empresa brasileira que mais mantém patentes ativas -- são 1.067 no país e no exterior

Por Robson Bonin Atualizado em 6 jan 2022, 17h31 - Publicado em 10 jan 2022, 08h29

Em apenas uma semana – e no último dia útil de 2021 – a Petrobras superou seu próprio recorde de depósitos de patentes junto ao Instituto Nacional de Propriedade Industrial (INPI).

A companhia passou de 112 para 118 pedidos, com seis novas tecnologias sendo incluídas no instituto. A Petrobras é a empresa brasileira que mais mantém patentes ativas — são 1.067 no país e no exterior.

A maioria dos projetos relacionados aos 118 registros de patentes de 2021 foi desenvolvida para atender demandas de eficiência de exploração e produção, refino, gás e energia, renováveis e projetos de desenvolvimento sustentável, como descarbonização e redução de emissões.

Publicidade