Assine VEJA por R$2,00/semana
Imagem Blog

Radar Econômico

Por Pedro Gil (interino)
Análises e bastidores exclusivos sobre o mundo dos negócios e das finanças. Com Diego Gimenes e Felipe Erlich
Continua após publicidade

Mais de 2 milhões de empresas foram abertas no primeiro semestre de 2023

Outros 958 mil CNPJs foram descontinuados no período; setor de serviços amplia protagonismo

Por Felipe Erlich Atualizado em 13 Maio 2024, 23h58 - Publicado em 28 jul 2023, 16h27

Foram registrados 2.039.802 novos CNPJs no país no primeiro semestre de 2023, o terceiro ano consecutivo em que a marca de 2 milhões é superada na primeira metade do ano. No montante já registrado em 2023, a categoria MEI, os microempreendedores individuais, chegou a 76% das aberturas de CNPJ. “O número de novas pequenas e médias empresas diminuiu em comparação ao mesmo período de 2022. Porém, vale a análise de que os brasileiros seguem empreendendo”, diz Guilherme Soares, executivo no escritório de contabilidade que levantou os dados, a Contabilizei. Um exemplo da tendência são os profissionais da área médica, que cada vez mais têm prestado serviços como Pessoa Jurídica (PJ), segundo Soares.

Entre os estados brasileiros, São Paulo, Minas Gerais e Rio de Janeiro lideram a criação de empresas no ano. Apesar de contar com o maior número, de mais de 600 mil novos CNPJs, São Paulo registrou uma leve queda de 3% em comparação com o mesmo período de 2022. Quanto aos setores que mais contribuíram nacionalmente, destacam-se os de Serviços, Comércio e Indústria, com 64%, 29% e 6% do total de empresas abertas, respectivamente. Encabeçando a lista, o setor de serviços ganhou ainda mais protagonismo frente aos dados de 2022, quando representava 57% do total.

Cerca de 958 mil companhias foram fechadas no primeiro semestre, também segundo o levantamento. No entanto, houve uma queda de 34,4% na quantidade de fechamentos entre o primeiro e o segundo trimestre deste ano, o que é apontado pela Contabilizei como um indicativo de melhora no cenário econômico.

Siga o Radar Econômico no Twitter

Publicidade

Matéria exclusiva para assinantes. Faça seu login

Este usuário não possui direito de acesso neste conteúdo. Para mudar de conta, faça seu login

Domine o fato. Confie na fonte.

10 grandes marcas em uma única assinatura digital

MELHOR
OFERTA

Digital Completo
Digital Completo

Acesso ilimitado ao site, edições digitais e acervo de todos os títulos Abril nos apps*

a partir de R$ 2,00/semana*

ou
Impressa + Digital
Impressa + Digital

Receba Veja impressa e tenha acesso ilimitado ao site, edições digitais e acervo de todos os títulos Abril nos apps*

a partir de R$ 39,90/mês

*Acesso ilimitado ao site e edições digitais de todos os títulos Abril, ao acervo completo de Veja e Quatro Rodas e todas as edições dos últimos 7 anos de Claudia, Superinteressante, VC S/A, Você RH e Veja Saúde, incluindo edições especiais e históricas no app.
*Pagamento único anual de R$96, equivalente a R$2 por semana.

PARABÉNS! Você já pode ler essa matéria grátis.
Fechar

Não vá embora sem ler essa matéria!
Assista um anúncio e leia grátis
CLIQUE AQUI.