Veja Digital - Plano para Democracia: R$ 1,00/mês
Radar Econômico Por Victor Irajá Análises e bastidores exclusivos sobre o mundo dos negócios e das finanças. Com Diego Gimenes e Felipe Erlich

Gasolina: Bolsonaro compara Itália e Brasil, mas ignora diferença salarial

Presidente diz que o litro da gasolina custa 11 reais na Itália, mas se esqueceu de outras variáveis

Por Diego Gimenes Atualizado em 4 nov 2021, 19h03 - Publicado em 4 nov 2021, 09h28

Em conversa com apoiadores em Brasília, o presidente Jair Bolsonaro comparou o preço do litro da gasolina no Brasil com o da Itália. “Vocês viram a gasolina na Itália? 11 reais o litro. Está caro no Brasil, está caro no mundo todo. Lembra aquela historinha lá que muita gente apoiou? ‘Fique em casa e a economia a gente vê depois’. Então, chegou a conta”, disse o chefe do Executivo. Bolsonaro, porém, se esqueceu que a diferença entre a média salarial dos dois países é gritante. A Itália não possui um salário mínimo pré-estabelecido, mas trabalhadores não qualificados, como babás ou empregados domésticos, recebem salários que variam entre 600 euros e 900 euros, segundo o Iltuosalario.it, uma organização voltada para salários e leis trabalhistas na Europa desde 2004. O valor seria o equivalente a uma faixa entre 3.900 reais e 5.850 reais, em conversão direta, ou seja, pelo menos três vezes mais que o salário mínimo do Brasil, atualmente em 1.100 reais. No ano, a gasolina já avançou quase 40% no país, e o preço médio nas bombas, segundo a Agência Nacional do Petróleo (ANP), é de 6,562 reais.

Publicidade

Essa é uma matéria exclusiva para assinantes. Se já é assinante, entre aqui. Assine para ter acesso a esse e outros conteúdos de jornalismo de qualidade.

Essa é uma matéria fechada para assinantes e não identificamos permissão de acesso na sua conta. Para tentar entrar com outro usuário, clique aqui ou adquira uma assinatura na oferta abaixo

Informação de qualidade e confiável, a apenas um clique. Assine VEJA.

Plano para Democracia

- R$ 1 por mês.

- Acesso ao conteúdo digital completo até o fim das eleições.

- Conteúdos exclusivos de VEJA no site, com notícias 24h e acesso à edição digital da revista no app.

- Válido até 31/10/2022, sem renovação.

3 meses por R$ 3,00
( Pagamento Único )

Digital Completo



Acesso digital ilimitado aos conteúdos dos sites e apps da Veja e de todas publicações Abril: Veja, Veja SP, Veja Rio, Veja Saúde, Claudia, Placar, Superinteressante,
Quatro Rodas, Você SA e Você RH.

a partir de R$ 9,90/mês

ou

30% de desconto

1 ano por R$ 82,80
(cada mês sai por R$ 6,90)