Assine VEJA por R$2,00/semana
Imagem Blog

Radar Econômico

Por Pedro Gil (interino)
Análises e bastidores exclusivos sobre o mundo dos negócios e das finanças. Com Diego Gimenes e Felipe Erlich
Continua após publicidade

A última jogada da CBF contra a volta de Ednaldo à presidência

Filho de desembargador do Rio foi nomeado pela CBF como advogado de ação no STF

Por Pedro Gil Atualizado em 8 Maio 2024, 16h55 - Publicado em 12 jan 2024, 17h28

A última cartada da Confederação Brasileira de Futebol (CBF) para tentar evitar a volta de Ednaldo Rodrigues à presidência da entidade foi nomear Fernando Cabral Filho como advogado da ação no Supremo Tribunal Federal (STF). Ele é filho do desembargador aposentado Fernando Marques, do Tribunal de Justiça do Rio de Janeiro (TJ-RJ), o mesmo tribunal que afastou Rodrigues.

A procuração nomeando Cabral Filho foi assinada por José Perdiz, ex-interventor na CBF, horas antes de o ministro do Supremo Gilmar Mendes determinar a restituição de Rodrigues à presidência da CBF. O pai do advogado também é auditor do Superior Tribunal de Justiça Desportiva, do qual José Perdiz é presidente.

Siga o Radar Econômico no Twitter

Matéria exclusiva para assinantes. Faça seu login

Este usuário não possui direito de acesso neste conteúdo. Para mudar de conta, faça seu login

Domine o fato. Confie na fonte.

10 grandes marcas em uma única assinatura digital

MELHOR
OFERTA

Digital Completo
Digital Completo

Acesso ilimitado ao site, edições digitais e acervo de todos os títulos Abril nos apps*

a partir de R$ 2,00/semana*

ou
Impressa + Digital
Impressa + Digital

Receba Veja impressa e tenha acesso ilimitado ao site, edições digitais e acervo de todos os títulos Abril nos apps*

a partir de R$ 39,90/mês

*Acesso ilimitado ao site e edições digitais de todos os títulos Abril, ao acervo completo de Veja e Quatro Rodas e todas as edições dos últimos 7 anos de Claudia, Superinteressante, VC S/A, Você RH e Veja Saúde, incluindo edições especiais e históricas no app.
*Pagamento único anual de R$96, equivalente a R$2 por semana.

PARABÉNS! Você já pode ler essa matéria grátis.
Fechar

Não vá embora sem ler essa matéria!
Assista um anúncio e leia grátis
CLIQUE AQUI.