Clique e Assine por apenas R$ 0,50/dia

Coronavírus: Onze shoppings no Rio de Janeiro suspendem atividades

Até o dia 1º de abril, apenas restaurantes, praças de alimentação e farmácias dos estabelecimentos funcionarão em horário reduzido

Por Jana Sampaio Atualizado em 18 mar 2020, 14h34 - Publicado em 18 mar 2020, 13h59

Segundo estado com o maior número de casos confirmados e suspeitos de coronavírus no país, o Rio de Janeiro tem adotado medidas para frear o avanço da pandemia. Em cumprimento ao decreto publicado no Diário Oficial na terça, 17, onze shopping centers informaram que o funcionamento foi suspenso por quinze dias.

A decisão foi adotada pelos shoppings RioSul, Nova América, Boulevard, Botafogo Praia, Madureira, Nova Iguaçu, Rio Design Barra e Rio Design Leblon. Completam o grupo os estabelecimentos Barra Shopping, New York City Center, Village Mall e Park Shopping Campo Grande.

  • Ficam autorizados a funcionar apenas serviços essenciais, como bancos, farmácias, praças de alimentação e restaurantes, entre 12h e 20h, e serviços de entregas (delivery) até às 22h.

    Situação de emergência

    Na terça, 17, o governador Wilson Witzel anunciou um decreto que reconhece a situação de emergência na saúde pública do estado em virtude do Covid-19. A medida suspende por duas semanas eventos e atividades com a presença do público, sessões de teatro e de cinema, aulas nas redes pública e privada, incluindo nas universidades, visitas a pacientes internados que testaram positivo para o novo coronavírus e visita nas unidades prisionais. Além disso, ficou estabelecida a suspensão de circulação de linhas de ônibus interestaduais e a recomendação de que bares e restaurantes reduzam a capacidade.

    Continua após a publicidade
    Publicidade