Clique e Assine a partir de R$ 19,90/mês
Radar Por Robson Bonin Notas exclusivas sobre política, negócios e entretenimento. Com Gustavo Maia, Laísa Dall'Agnol e Lucas Vettorazzo. Este conteúdo é exclusivo para assinantes.

Fundador do Facebook investe em plataforma latina para WhatsApp

Yalochat recebe aporte de cerca de 80 milhões de reais do brasileiro Eduardo Saverin.

Por Manoel Schlindwein Atualizado em 19 ago 2020, 23h38 - Publicado em 20 ago 2020, 10h01

Eduardo Saverin, o brasileiro co-fundador do Facebook, declarou à Veja em maio de 2012 que tinha planos de investir no Brasil “porque está em meu coração, é o lugar onde nasci”, mas ainda não foi desta vez.

Hoje ele anuncia um aporte de 15 milhões de dólares, pouco mais de 80 milhões de reais, para expandir a plataforma de CRM baseada em serviço de mensagens Yalochat. Trata-se da primeira investida de Saverin numa empresa latino-americana.

O montante foi captado pela empresa mexicana em fundos da Série B liderados pela B Capital Group, fundada em 2015 por Saverin em parceria com Raj Ganguly. A rodada contou ainda com a participação da Sierra Ventures, levando a Yalochat a reunir 25 milhões de dólares.

A Yalochat ajuda grandes empresas a usar aplicativos de mensagens como o WhatsApp para gerenciar operações de vendas e de atendimento ao cliente. “Este é o primeiro investimento da B Capital em terras latinas e estou ansioso para ajudá-los a criar conexões novas e significativas entre a América Latina, a Ásia e os Estados Unidos, onde a Yalochat pode ajudar as empresas a preencher o espaço entre as soluções de software existentes e o vasto mundo de aplicativos de mensagens”, registrou Saverin.

A empresa mexicana conta com clientes de peso, como Walmart, Pepsi, Domino´s e Unilever. No Brasil, a Yalochat trabalha com multinacionais como a Coca-Cola. A tecnologia fez com que a empresa conseguisse implantar um sistema de recebimento de pedidos via WhatsApp em mais de 120 mil pontos de venda, com mais de 6.000 pedidos diários.

Continua após a publicidade

Publicidade