Clique e assine a partir de 9,90/mês
Radar Por Robson Bonin Notas exclusivas sobre política, negócios e entretenimento. Com Evandro Éboli, Mariana Muniz e Manoel Schlindwein. Este conteúdo é exclusivo para assinantes.

Em reunião de empresários do Varejo, sobram críticas ao isolamento

Flávio Rocha disse que a medida é ‘erro histórico’; Luisa Trajano revelou drama de empresas com o atraso no socorro do governo

Por Robson Bonin - 11 maio 2020, 12h35

Foi quente a reunião do Instituto para Desenvolvimento do Varejo na manhã desta segunda-feira. Presidente do Grupo Guararapes, controladora da Riachuelo, Flávio Rocha reclamou da política de isolamento na pandemia de coronavírus que, na visão dele, será lembrada como “erro histórico”.

Já Luiza Trajano, do Magazine Luiza, revelou a preocupação com a demora da ajuda oficial às empresas na crise. O cenário para pequenas e médias empresas é desalentador.

Em Nova Serrana, por exemplo, polo calçadista da região metropolitana de Belo Horizonte, a previsão é de que 30% dos negócios sejam fechados na pandemia. A situação se repete em maior ou menor gravidade em outras regiões do país.

Publicidade