Clique e Assine por somente R$ 2,50/semana
Radar Econômico Por Machado da Costa Análises e bastidores exclusivos sobre o mundo dos negócios e das finanças.

Setor de seguros pode ser o primeiro a se adequar à LGPD

Lei Geral de Proteção de Dados passou a valer no mês passado

Por Machado da Costa Atualizado em 20 out 2020, 10h57 - Publicado em 20 out 2020, 10h46

A Fenacor (Federação Nacional dos Corretores de Seguros), seus sindicatos estaduais de corretores de seguro e as mais de 50.000 empresas de corretagem filiadas se movimentaram para tentar consolidar o setor como primeiro do país a estar integralmente adequado à nova Lei Geral de Proteção de Dados. A atuação conjunta leva a marca de LGPDCor e inclui ajuda na governança das empresas, acompanhamento jurídico, treinamento, guia prático com o passo a passo de adequação à Lei, dentre outras vantagens para os associados.

Nas palavras do Vice-Presidente da Fenacor, Henderson de Paula Rodrigues: “Essa é a primeira grande provisão de solução e instrumentalização de LGPD para uma categoria econômica que tem mais de 50.000 empresas e que tratam e lidam com um universo gigantesco de dados de dezenas de milhões de clientes, sendo que grande parte desses dados são considerados muito sensíveis.” A empresa que está fazendo a consultoria e a adequação dos sistemas para a federação é a LGPDNow.

+ Siga o Radar Econômico no Twitter

Publicidade