Clique e Assine por apenas R$ 0,50/dia
Radar Econômico Por Josette Goulart Análises e bastidores exclusivos sobre o mundo dos negócios e das finanças. Com Diego Gimenes.

Petrobras corta preço da gasolina e sobe do gás de cozinha

Preços caem mesmo com petróleo valorizando no mercado internacional

Por Josette Goulart Atualizado em 11 jun 2021, 16h33 - Publicado em 11 jun 2021, 15h49

A Petrobras anunciou nesta sexta-feira o aumento dos preços do GLP e o corte da gasolina, em meio à alta do petróleo  no mercado internacional. A empresa diz que continua seguindo ainda a variação dos preços do mercado internacional, mas também segue a variação do dólar, que tem se desvalorizado. Há cerca de 40 dias a empresa não fazia reajustes nos preços. 

O GLP, que é o gás de cozinha, subiu 0,19 centavos por quilo. Um botijão de 13 quilos teria uma alta de 1,50 reais. Já a gasolina vai ter um corte de 0,50 centavos e a partir de amanhã vai custar 2,53 reais nas refinarias.

Assim que o novo presidente da Petrobras, Joaquim Luna e Silva, assumiu, o presidente Jair Bolsonaro cobrou o general sobre os preços do botijão, que haviam subido fortemente ainda na gestão de Roberto Castello Branco.

*Correção: Versão anterior informava erroneamente um corte no preço do gás de cozinha. O corte foi apenas no preço da gasolina. 

Continua após a publicidade
Publicidade