Clique e assine a partir de 8,90/mês
Radar Econômico Por Machado da Costa Análises e bastidores exclusivos sobre o mundo dos negócios e das finanças.

Marinho garante compromisso com teto de gastos

Ministro tem dito a quem quiser ouvir que não é 'fura-teto', pecha que lhe foi colocada

Por Machado da Costa - 2 out 2020, 17h02

Rogério Marinho, ministro do Desenvolvimento Regional, é um dos homens que mais ganha protagonismo na Esplanada dos Ministérios — apesar da rivalidade com seu ex-chefe, o ministro da Economia, Paulo Guedes. Contudo, ele ganhou a pecha de que seria o conselheiro do presidente Jair Bolsonaro que estaria querendo furar o teto de gastos, o “fura-teto”. Marinho tem dito em todos os cantos que não; que está comprometido com o teto. Nesta sexta, 2, participou de um evento organizado por bancos em São Paulo e uma de suas falas foi interpretada como uma afronta a Guedes. Marinho rechaçou ter criticado o chefe da Economia. E reafirmou que não trabalha para derrubar o teto, emenda constitucional aprovada em 2016 e que ajudou a tirar o Brasil da lona.

+ Siga o Radar Econômico no Twitter

Publicidade