Clique e Assine a partir de R$ 7,90/mês
Radar Econômico Por Josette Goulart Análises e bastidores exclusivos sobre o mundo dos negócios e das finanças. Com Diego Gimenes.

Heineken vai distribuir energia mais barata a bares

Cervejaria passou a usar 100% de energia renovável em sua produção e quer levar o programa a bares e pontos de venda

Por Josette Goulart Atualizado em 7 out 2021, 10h47 - Publicado em 7 out 2021, 10h02

Os pontos de venda e bares parceiros da Heineken vão ganhar um benefício e tanto da cervejaria: energia mais barata e verde. A empresa vai disponibilizar 100 MW de geração de energia distribuída, como solar e eólica, para estabelecimentos de 19 capitais do país. A empresa garante que não é preciso qualquer tipo de adaptação, nem  instalar  equipamentos ou gastar com painéis solares ou pagar qualquer taxa. Os donos dos bares que já são parceiros da cervejaria só precisam se cadastrar em uma plataforma digital e a distribuição da energia será feita normalmente pela rede da distribuidora local. A grande alegria é que a conta de luz vai chegar com descontos que vão variar de 10% a 40%. Esse tipo de ação é possível porque o gerador de energia distribuída joga a energia solar, por exemplo, no sistema de determinada região e pode compensar na conta de luz. No caso, a Heineken vai permitir que os donos de bares usem esta compensação.

O diretor de marketing da empresa, Gabriel D’Angelo Braz, lembra que a empresa passou a usar 100% de energia renovável em suas cervejarias no ano passado e vai agora levar esta energia aos bares para gerar maior impacto positivo no meio ambiente. A meta é chegar a 50% dos bares parceiros da Heineken, em 19 capitais, até 2030. Neste momento, a empresa está em fase piloto do projeto nas capitais do Paraná, Mato Grosso e Minas Gerais, mas até o início de 2021 já estará com o programa correndo o Brasil.

Publicidade