Clique e assine com até 92% de desconto
Radar Econômico Por Machado da Costa Análises e bastidores exclusivos sobre o mundo dos negócios e das finanças.

Bitcoin supera a marca de R$ 100 mil

Moeda registra maior valor em reais e se aproxima de bater seu recorde também em dólar

Por Machado da Costa Atualizado em 20 nov 2020, 13h42 - Publicado em 20 nov 2020, 13h34

A primeira criptomoeda a ser criada, o Bitcoin, superou a marca de 100.000 reais durante esta sexta-feira, 20. É o maior valor já alcançado pela moeda virtual em reais. Em dólar, o Bitcoin também se aproxima de sua máxima histórica. Está cotado a 18,8 mil dólares. O maior valor, registrado em dezembro de 2017, foi de 20 mil dólares.

“A marca de 100 mil reais reafirma que o Bitcoin tem se consolidado e se sobressaído entre os ativos disponíveis no mercado, com valorizações que chamam a atenção dos investidores no mundo todo. O Bitcoin tem reagido bem à crise econômica resultante da pandemia. O movimento de alta resulta do aumento da demanda, diante do atual contexto econômico global provocado pela desaceleração da atividade e da massiva injeção de liquidez promovida pelos principais Bancos Centrais, levando os investidores a buscarem ativos escassos, que funcionem como reserva de valor”, avalia o diretor-executivo da Associação Brasileira de Criptoeconomia (ABCripto), Safiri Felix.

+ Siga o Radar Econômico no Twitter

Publicidade