Clique e Assine por apenas R$ 0,50/dia
Radar Econômico Por Josette Goulart Análises e bastidores exclusivos sobre o mundo dos negócios e das finanças. Com Diego Gimenes.

Bitcoin será aceito como moeda para pagamento de franquias brasileiras

Taxas de franqueamento da aceleradora 300 Franchising poderão ser pagas com criptomoedas

Por Josette Goulart 15 jun 2021, 15h13

A aceleradora de franquias 300 Franchising, que reúne 70 redes brasileiras no seu portfólio e fatura 1,7 bilhão de reais, começou a aceitar as criptomoedas bitcoin e ethereum para o pagamento das taxas de franquias. A empresa acredita que com a estratégia pode atrair aqueles investidores que já possuem as moedas e querem fazer negócios usando suas criptomoedas ou querem apenas diversificar carteira.

O bitcoin é a criptomoeda mais negociada e famosa do mundo e faz parte da carteira de investimentos de empresas como a Tesla, de Elon Musk. A moeda chegou a valer 64 mil dólares em seu auge no primeiro trimestre deste ano ano, mas acabou perdendo valor chegando a ser negociada abaixo de 30 mil dólares com discussões sobre os efeitos ambientais que sua mineração  causam ao mundo. Desde domingo, o bitcoin está se recuperando e nesta terça-feira voltou aos 41 mil dólares.

Publicidade