Clique e Assine por apenas R$ 0,50/dia
Radar Econômico Por Josette Goulart Análises e bastidores exclusivos sobre o mundo dos negócios e das finanças

AstraZeneca oferece mais doses da vacina vindas da Índia

Laboratório busca desfazer o mal-estar gerado com o vaivém das doses indianas

Por Machado da Costa Atualizado em 20 jan 2021, 09h11 - Publicado em 20 jan 2021, 08h41

A AstraZeneca, laboratório responsável pelo desenvolvimento da vacina de Oxford, em parceria com a Fundação Oswaldo Cruz, percebendo o mal-estar causado pela demora no envio de 2 milhões de doses de seu imunizante provenientes da Índia, está trabalhando para disponibilizar mais doses ao Brasil. As doses também viriam de parceiros do laboratório no país asiático. As negociações, que estão sendo feitas entre o ministro da Saúde, Eduardo Pazuello, e o CEO da AstraZeneca, Pascal Soriot, ainda estão em estágio inicial, conforme relatou ao Radar Econômico um parceiro brasileiro privado da iniciativa para a produção da vacina no país. Segundo esta fonte, o volume chegaria a 16 milhões de doses e poderia estar disponível em meados de fevereiro. O Radar Econômico apurou, junto à AstraZeneca, que não há um volume fechado, mas que, sim, o laboratório está entrando em contato com seus parceiros indianos para exportá-las ao Brasil.

+ Siga o Radar Econômico no Twitter

Publicidade